31 de maio de 2012

VOCÊ É UM CRENTE MADURO?

DESENVOLVENDO CRENTES MADUROS

 Levar pessoas à fé em Cristo é apenas o primeiro passo. Levá-los ao amadurecimento é o
segundo. Ef 4.14; Rm 8.29)
O alvo é tornar-se semelhante a Cristo.

MITOS SOBRE MATURIDADE ESPIRITUAL

a)     O CRESCIMENTO ESPIRITUAL É AUTOMÁTICO APÓS NASCER DE NOVO.
NÃO!!
 Em Hb 5.12 isso é ensinado com clareza. Um membro participante não é igual a um membro maduro. O crente pode envelhecer sem ter crescido. O crescimento espiritual é provocado.


Cada crente deve querer e decidir crescer; requer compromisso e esforço (Fp 2.12-13; Rm 6.13).

 B) A MATURIDADE ESPIRITUAL É ALCANÇADO SOMENTE POR POUCOS.  NÃO!!                                                                          
De 1 Tm 4.7-8 aprendemos que o caminho da forma espiritual é tão prático quanto o da forma física. O que se requer é disciplina para desenvolver bons hábitos diários muito simples.

 C) A MATURIDADE ESPIRITUAL PODE OCORRER IMEDIATAMENTE PARA QUEM ACHAR A CHAVE CERTA.  NÃO!!                                                                                                  
O crescimento espiritual é um processo que leva tempo. Não existem atalhos para a maturidade (Ef 4.13). Muitos Cristãos passam a vida inteira buscando uma experiência, uma conferência, um reavivamento, um livro, uma fita, algo que possa transformá-lo instantâneamente em cristãos maduros. Isso é inúteo. Apenas temos café instantâneo, pure de babata, miojo. Não existe maturidade spiritual instantânea. Alguns cristãos irão crescer mais rápido se a você a igreja lhes designar uma trilha a ser percorrida por eles.

 D) A MATURIDADE ESPIRITUAL É MEDIDA POR AQUILO QUE O CRENTE SABE. NÃO!!                                                                          
O conhecimento bíblico é indispensável para o crescimento espiritual. Porém, maturidade espiritual não é sinônimo de conhecimento bíblico. A maturidade é demostrada nas atitudes do dia-a-dia      (Mt 7.16, 24-27; Tg 2.18; 3. 3.13; Ef 5.8) Paulo ensina em 1 Co 8.10 que o conhecimento, apenas, pode levar ao orgulho. A maturidade espiritual se dá na exata relação entre o conhecimento e a obediência (Tg 4.17).

 E) O CRESCIMENTO ESPIRITUAL É UMA QUESTÃO PESSOAL PRIVADA.  NÃO!!                                                                    
Pelo contrário, para crescer espiritualmente os cristãos necessitam de relacionamentos. Nós nos desenvolvemos dentro de um ambiente de comunhão (Hb 10.24-25; 1 Jo 1.7; 4.20).

 F) SÃO NECESSÁRIOS ESTUDOS BÍBLICOS PARA CRESCER.
NÃO!!
Para crescer, o crente precisa participar muito de Estudo Bíblico. O efeito desse mito é que pessoas ficam anos participando de estudos bíblicos e nunca chegam a ficar prontas para compartilhar o que já aprenderam. Porém, existe uma variedade de experiências com Deus necessárias para produzir maturidade: um coração que adora e louva a Deus; construir relacionamentos de amor; usar os dons e talentos à serviço dos outros; compartilhar sua fé com pessoas perdidas.

 “O estudo bíblico, por si só, não produz espiritualidade. Se ele não for praticado 
produzirá somente carnalidade”.

O estudo sem serviço produz crentes que gostam de julgar, com uma indisfarçável soberba espiritual.
Tiago bem advertiu: “Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos” (Tg 1.22).

 EXCESSO DE ESTUDO BÍBLICO DÁ INDIGESTÃO E GERA OBESIDADE ESPIRITUAL

 A maioria dos Cristãos sabem muito mais do que praticam.

 Muitos cristãos precisam assumir responsabilidades com base no que já sabem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário